sexta-feira, 1 de outubro de 2010


' As coisas não querem mais ser vistas por pessoas razoáveis:
Elas desejam ser olhadas de azul.
Que nem uma criança que você olha de ave. '


Manoel Bandeiras

3 comentários:

  1. Logo eu que vôo, virei pouso.
    Mas eu ainda canto.

    ResponderExcluir
  2. Nathalia gostei muito desse jeito de olhar que Manoel Bandeira nos ensina. bjs

    ResponderExcluir